31.98879.8560 

31. 2531.3700

31.2535.1533

Edifíco Amadeus Business Tower. Avenida do Contorno 6594, Savassi, 7º andar

© 2017 criado por Mapre Design patriciamapre@gmail.com

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • Instagram Social Icon

Siga nos nas Redes Socias

Planejamento familiar e plano de saúde: o que deve ser coberto?

July 4, 2017

 

 ​

Entre as preocupações com o bem-estar da família, uma das principais se refere à saúde dos seus integrantes. Hoje, frente a precariedade do sistema público de saúde, a melhor maneira de garantir esse cuidado para os familiares é contratando um bom plano de saúde. Na hora de escolher, é fundamental levar em conta a qualidade e o custo desse serviço. Sabemos que os melhores planos de saúde, com cobertura total, são extremamente caros. Por isso, é importante conhecer quais são as coberturas básicas obrigatórias.

Quer entender como adquirir um plano que atenda às necessidades da família sem sobrecarregar o orçamento? Então acompanhe o post de hoje:

Cobertura dos Planos de Saúde x Planejamento Familiar

Tem sido muito debatida a questão da cobertura do planejamento familiar pelos planos de saúde. Primeiro, foi criada uma lei que obrigava o custeio de procedimentos contraceptivos, como a laqueadura das trompas, a vasectomia e o DIU.

Um ano depois (maio de 2009), entrou em vigor a lei que estabelece que estão integrados ao planejamento familiar não só as medidas contraceptivas, mas também as conceptivas, como a reprodução assistida.

Embora a lei obrigue as operadoras a custearem os tratamentos, a ANS autoriza a exclusão dessa cobertura para os planos mais básicos. Com isso, muitas vezes as pessoas não contam com esse serviço.

Reação à recusa de cobertura

Existem diversos argumentos que contestam essa prática. O primeiro é que os planos de saúde estão contrariando o direito constitucional ao planejamento familiar. Assim, não caberia ao plano decidir, pois estaria cerceando uma garantia constituinte.

Outra alegação é que a cobertura se refere a doenças, não a procedimentos específicos que são decididos pelo profissional para a melhora do paciente. A infertilidade não é uma escolha, é uma disfunção orgânica que necessita ser tratada para que haja saúde sob uma perspectiva bio-psíquica.

Outras formas de obter um plano de saúde de qualidade

Com essa discussão temos um exemplo de práticas comuns dos planos de saúde. O planejamento familiar é um tema relevante para muitas famílias e várias delas não sabem se o plano contratado cobre esses procedimentos.

Para minimizar esses riscos, o cliente pode tomar algumas medidas. A primeira é ler com atenção o contrato de adesão e conferir o que está coberto. Um segundo passo é consultar a operadora do plano sobre o assunto.

Outra providência é acionar a ANS e solicitar as informações necessárias ou fazer uma reclamação. Se nada disso resolver, resta procurar a Justiça e pleitear seu direito.

Caso o seu plano não tenha uma cobertura e você queira incluí-la de forma amigável, existem opções. Entretanto, haverá um acréscimo de despesas se não houver cautela. Pode-se solicitar a um de nossos corretores que faça a cotação de um adicional ao seu contrato para incluir o serviço desejado.

Você pode solicitar ainda a cotação de planos mais abrangentes, com um valor acessível, e fazer a portabilidade para o novo plano sem perder sua carência.

São várias as opções para quem procura conciliar o bem estar da família, os planos futuros e o orçamento mensal. Com boas informações e a ajuda de um corretor fica mais fácil lidar com os detalhes dos contratos de planos de saúde e ficar satisfeito.

Agora que você viu como escolher um plano sem prejudicar o orçamento familiar, que tal se informar sobre o que você precisa saber antes de contratar um plano de saúde?

 

Nos casos onde está caracterizada uma má prestação de serviços por parte dos planos de saúde ajuizando ações para:

  • Realização de exame essencial ao diagnóstico da doença quando porém não coberto pelo plano;

  • Realização de cirurgia por videolaparoscopia ou cirurgia bariátrica, não cobertas pelo plano, mas necessárias ao tratamento ou à preservação da vida do paciente;

  • Realização de cirurgia plástica reparadora, após cirurgia bariátrica ou outra cirurgia autorizada pelo plano;

  • Realização de transplante não coberto, no tratamento de doença coberta pelo plano;

  • Cobertura de tratamento não previsto no rol da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) – que é a agência reguladora dos planos de saúde do Brasil – ou de tratamento indicado e não coberto, mas necessário ao tratamento de doença coberta pelo plano;

  • Fornecimento de prótese nacional ou importada e colocação de marcapasso;

  • Realização de quimioterapia e radioterapia;

  • Tratamento de doença pré-existente não coberta pelo plano, nos casos de inexistência de má-fé por parte do paciente ou em caso de emergência;

  • Realização de sessões de fisioterapia, não cobertas pelo plano, mas necessárias ao tratamento de doença coberta pelo plano;

  • Garantia de atendimento ao paciente, mesmo quando inadimplente;

  • Manutenção da pessoa no plano de saúde, mesmo quando demitida da empresa, ficando ela responsável pela despesa da parte patronal;

  • Dano moral por infecção hospitalar contraída em hospital credenciado;

  • Restabelecimento do contrato, quando rescindido unilateralmente, sem constituir em mora;

  • Reajuste unilateral de plano de saúde coletivo e reajuste abusivo em decorrência de faixa etária;

  • Reembolso de despesas realizadas fora da rede credenciada, quando se tratar de emergência;

  • Tratamento dentro do período da carência, quando for medida emergencial para preservar a vida;

  • Tratamento domiciliar não contratado, para casos emergenciais.

     

     

     

     

     

     

     

     

     

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Planejamento familiar e plano de saúde: o que deve ser coberto?

July 4, 2017

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square